Depois de fracassos, estúdio quer o retorno de Crepúsculo


Com o fim de A Saga Crepúsculo e Jogos Vorazes, a Lionsgate perdeu as suas duas franquias mais lucrativas. O estúdio investiu em diversas produções - Ender's Game: O Jogo do Exterminador (2013), Meu Namorado é um Zumbi (2013), O Último Caçador de Bruxas (2015) e Deuses do Egito (2016) - mas nenhuma conseguiu ganhar sequer uma continuação. Apenas Divergente conquistou um sucesso moderado no seu lançamento, mas a decepção com suas sequências fizeram com que a conclusão da adaptação trocasse o cinema pela TV - entenda.

Agora, em uma conversa com o ScreenDaily, Patrick Wachsberger, copresidente da Lionsgate, afirma que o estúdio quer o retorno de Crepúsculo, ainda que nada esteja confirmado. "Não é uma certeza, mas uma possibilidade. Tudo depende de Stephenie Meyer. Se ela quiser conta outra história relacionada àqueles personagens, estamos disponíveis", explicou.

Com cinco filmes de orçamentos moderados, A Saga Crepúsculo faturou mais de US$ 3,343 bilhões mundialmente. Em 2012, na época do lançamento do último filme - Amanhecer: Parte 2 - surgiram rumores sobre uma série de TV derivada, mas o projeto nunca foi para frente.
# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg
 
Copyright © 2017 Cinemix Pipoca - Notícias, trailers e análises de filmes